Beth Reinhard nomeada repórter de investigações políticas


Anúncio do Editor Nacional Matea Gold, do Editor Nacional Adjunto Philip Rucker, do Editor Sênior de Investigações Nacionais Peter Wallsten e do Editor Adjunto de Investigações Políticas Tim Elfrink:

Temos o prazer de anunciar que Beth Reinhard está se juntando à equipe do National como repórter de investigações políticas com a missão de produzir histórias reveladoras sobre as figuras e forças que moldam a política americana.

Em seus cinco anos no The Washington Post, Beth demonstrou sua habilidade em publicar artigos profundamente relatados que responsabilizam os poderosos, seja no Congresso, em suítes de proprietários de esportes profissionais ou na Casa Branca.

Ela vem para a National da equipe de investigações de Resposta Rápida, na qual ingressou em agosto de 2017, assim que a equipe foi lançada. Dois meses depois, ela estava no Alabama conversando com mulheres que disseram ter sido perseguidas ou molestadas por Roy Moore, candidato ao Senado, quando eram adolescentes. Depois de sua primeira história, com Stephanie McCrummen, Beth foi abordada por um agente do Project Veritas fingindo ser outra vítima de Moore. Isso levou a mais histórias e um esforço de equipe que ganhou os prêmios Pulitzer, Polk e Toner.

Beth mais tarde mergulhou na carreira no Congresso e nos objetivos governamentais do deputado Tom Reed, de Nova York, detalhando alegações de má conduta sexual contra ele por um ex-lobista. Reed pediu desculpas após a reportagem e anunciou que desistiria de sua candidatura a governador e seus planos de reeleição.

Os maus-tratos e a exploração de funcionárias do Washington Football Team foram objeto de um amplo projeto que Beth ajudou a ancorar em 2020 ao lado de vários outros repórteres. O trabalho detalhou como o proprietário e os executivos seniores da equipe promoveram uma atmosfera venenosa em que as trabalhadoras enfrentavam assédio inflexível. Esse projeto ganhou o prêmio de reportagem investigativa da Associated Press Sports Editors.

Beth fez parceria com praticamente todos os cantos da redação em uma ampla gama de alvos, incluindo histórias sobre gastos errados da National Rifle Association, indultos que o presidente Donald Trump concedeu a infratores bem relacionados e o sucesso dos sauditas na construção de uma influência em Washington. máquina. Ela também fez parte da equipe que relatou o projeto vencedor do Pulitzer em 6 de janeiro.

Beth relatou anteriormente sobre política e uma variedade de outros tópicos no Wall Street Journal, na revista National Journal e no jornal de sua cidade natal, o Miami Herald. Ela também trabalhou no Palm Beach Post e no Home News Tribune em Nova Jersey. Ela é bacharel em inglês pela Universidade da Pensilvânia e tem mestrado em jornalismo pela Universidade de Columbia. Beth mora em Falls Church com o marido, duas filhas e um cão de resgate amado.

Junte-se a nós para parabenizá-la por seu novo papel.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *