‘Hora do Café’ para discutir movimentos juvenis e a política das mudanças climáticas


UNIVERSITY PARK, Pensilvânia – Jovens ativistas em todo o mundo se uniram em torno da questão das mudanças climáticas e tentaram influenciar decisões políticas dominadas por adultos organizando protestos e entrando com ações judiciais sobre mudanças climáticas. Mark Ortiz, bolsista de pós-doutorado do presidente no Departamento de Geografia da Penn State, discutirá o trabalho desses movimentos juvenis transnacionais nas esferas física e digital e as visões distintas dos movimentos de justiça climática às 15h30 de sexta-feira, 9 de setembro. em 112 Walker Building e via Zoom. A palestra de Ortiz faz parte da série de seminários “Coffee Hour” do outono de 2022, organizada pelo Departamento de Geografia da Penn State.

Ortiz recebeu seu doutorado em geografia pela Universidade da Carolina do Norte em Chapel Hill e completou seus estudos de graduação em política ambiental na Universidade do Alabama. Seus interesses de pesquisa incluem movimentos climáticos juvenis, ética e política das mudanças climáticas e representações culturais e imaginários da crise climática. Ele é um acadêmico-ativista que trabalhou em estreita colaboração com movimentos de justiça climática em várias escalas e atua na equipe de liderança do Coletivo de Justiça Climática da Carolina do Norte. Ortiz está atualmente desenvolvendo um projeto de livro sobre o ativismo climático juvenil transnacional e a política global de mudança climática que se baseia em sua pesquisa de dissertação financiada pela National Science Foundation.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.